Nadia Granados (Colômbia)

Artista cênica e visual formada pela Universidade Nacional da Colômbia (2000). Durante vários anos, Nadia Granados explorou diferentes tipos de circulação para o seu trabalho artístico, preferindo espaços de acesso público, como a rua e a web. Realizou propostas diferentes da comunicação visual popular através de performance de vídeo, ativismo e panfletário. Desenvolve uma arte inspirada nos estereótipos sociais da mulher latina sexualmente provocante, uma mulher extraída das fantasias eróticas construídas pela mídia de massa e pornografia. Ela usa seu corpo como uma ferramenta para disseminar ideias, como um elemento de atração para tornar realidades visíveis que normalmente não são disseminadas através de canais convencionais de comunicação, um remix de autorrepresentação usando estratégias de disseminação na internet. Aludindo a questões relacionadas à globalização, a luta anti-imperialista e contra o modelo de relações de poder imposto pelo machismo latino-americano arraigado de uma perspectiva transfeminista. Nadia apresentou suas propostas em exposições coletivas, festivais de performance, residências, mostras criativas e de vídeo na Espanha, Peru, Equador, Venezuela, Argentina, Costa Rica, Alemanha, Estados Unidos, Seul, México, Brasil, França, Itália, País Basco e Colômbia.

Foto: Pintura de Julio Pantoja com intervenção de Nadia Granados

É autora de:
Cabaret La Fulminante
Participa de:
De que formas fazer da vida uma prática política?

Link Permanente: