Lais Machado (BA)

Alárìnjó feminista, pesquisadora, crítica e produtora, formada pela Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia (ETUFBA). Membro-fundadora da ÀRÀKÁ – Plataforma de Criação em arte; ex-integrante do Teatro Base (2011-2017); membro-fundadora da Revista Barril, onde atuou como colunista e designer (2016-2017). Desenvolve estudos sobre transe e fluxo como meio de produção de presenças e um estudo decolonial da cena experimental.

Foto: Juh Almeida

Participa de:
Corpos políticos, afetos e resistências feministas

Link Permanente: